Blog da ESSOR

Seguro como protagonista no processo de transição energética do Brasil

Seguro como protagonista no processo de transição energética do Brasil

01 de dezembro de 2022

Na trilha da 27ª Conferência do Clima das Organizações das Nações Unidas (COP27), que ocorreu de 6 a 18 de novembro, no Egito, o debate quanto à urgência no combate às mudanças climáticas continua dominando a agenda mundial. Sustentabilidade, transição energética e novos modais de transporte são temas que permeiam o debate, entendidos como os propulsores das mudanças que precisamos ver no mundo.

Durante o evento, o Brasil assumiu a posição de país com o maior potencial para geração de energia limpa, em especial, a energia solar. O objetivo é atrair investidores internacionais interessados na “energia verde”, gerada de forma 100% renovável, uma verdadeira vocação nacional. A expectativa é que a participação do Brasil na COP 27 resulte na aceleração do financiamento climático e de toda a cadeia da “economia verde”, junto ao setor privado brasileiro. Nesse contexto, o setor de seguros ganha um papel de destaque na transição energética.

Seguro e transição energética

Mais do que um produto acessório, o seguro é um protagonista no processo de transição energética no Brasil. Atuante na proteção de pessoas e empresas, o setor de seguros tem o compromisso de assegurar o desenvolvimento sustentável do segmento energético, assegurando a proteção dos investimentos.

“As mudanças climáticas estão causando longos períodos de seca no Brasil, forçando o uso das termelétricas, que são mais poluidoras e caras. Assim, Governos e empreendedores são forçados a buscar novas alternativas energéticas. Este movimento traz inúmeros riscos, parte deles podem ser transferidos para o mercado segurador. Estamos falando tanto dos Seguros Patrimoniais e de Responsabilidade Civil, quanto dos seguros financeiros, como o Garantia. Neste contexto, a ESSOR possui diversas soluções para atender este segmento de seguro”, comenta Roberto Uhl, head of Business Development and Market Intelligence da ESSOR.

Foco na energia solar

Como uma das principais seguradoras do segmento de energia solar do Brasil, a ESSOR assume a responsabilidade de tomadora de riscos, ciente de que o futuro da humanidade está diretamente ligado à forma como lidamos com os recursos naturais e tratamento de resíduos.

“O seguro é importante para a previsibilidade das operações, ou seja, dentro das incertezas que qualquer empreendimento possui, o seguro mitiga riscos e auxilia no fomento de novas instalações. Por exemplo, em caso de danos, seja vendaval, roubo, dano elétrico… o sistema de geração de energia solar para de produzir, e o cidadão vai ter que recorrer novamente ao sistema tradicional para se manter. No fim do dia, vai precisar trocar o sistema, pagar a conta de luz e o financiamento. E esse prejuízo pode ser transferido para o seguro”, destaca Roberto.

Como ferramenta que propicia tranquilidade para o desenvolvimento do mercado de energia solar como um todo, o seguro ocupa uma posição de liderança na transformação econômica e social brasileira. O Seguro Painel Solar Fotovoltaico permite que o segurado tenha proteção ampliada para todos os itens do sistema de geração de energia, sejam equipamentos novos ou usados, com condições a depender do tipo de projeto.

Mobilidade sustentável

Outros modais de transporte que não dependam de combustíveis fósseis, como bicicletas, patinetes e veículos elétricos, também fazem parte do futuro verde da mobilidade urbana. A mudança de foco de carros para outros tipos de veículos limpos, integra a pauta da mudança nos sistemas de transporte a fim de descarbonizar e melhorar a mobilidade urbana.

Com a melhor oferta de seguro para ciclistas no mercado brasileiro, a ESSOR oferece um produto completo para proteção do ciclista, da bike e de acessórios. O Seguro Bike inclui coberturas para acidentes, roubo e furto qualificado, além de proteger o segurado em caso de danos a terceiros. Acidentes ocorridos durante o pedal também estão cobertos. De fácil contratação e relação custo benefício vantajosa, o seguro ESSOR oferece proteção para ciclistas em qualquer lugar do mundo.

“Importante destacar que nossa indenização é feita em crédito em conta, ou seja, o segurado tem a liberdade de escolher qual a próxima Bike vai querer. Ao contrário de seguros que fazem por reposição e o segurado depende da disponibilidade do fornecedor”, acrescenta Roberto.

Compartilhar via:

Posts Relacionados

Agronegócio movimenta a economia
08/04/2019

Agronegócio movimenta a economia

Responsável atualmente por 23,5% do PIB brasileiro, o agronegócio é fator determinante para a economia do […]

Leia mais...
ESSOR inicia operação de Seguro Transporte em parceria com a Albatroz neste mês
28/09/2021

ESSOR inicia operação de Seguro Transporte em...

Com o objetivo de otimizar a operação e desburocratizar os trâmites para contratação de seguros de […]

Leia mais...